Jovem de 28 anos foi preso sob suspeita de abusar sexualmente da prima de 11 anos. O crime aconteceu na noite de ontem (10), na Rua Clementina de Jesus, no Conjunto  Aero Rancho, região sul de Campo Grande. O nome do suspeito não será divulgado para preservar as identidades da vítima.

Conforme a delegada plantonista da Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), Fernanda Barros, a mãe da vítima contou que a filha mora com a avó e o suspeito. Os dois são criados pela senhora desde pequenos. Ontem à noite, a vítima, o irmão dela, e o suspeito conversavam em frente à casa, quando o rapaz disse que precisava buscar um dinheiro na casa de um conhecido e chamou a prima para ir junto.

A garota aceitou e os dois foram a pé. Durante o caminho, o rapaz empurrou a menina para uma área de mata e a obrigou a fazer sexo oral nele. Após o crime, a vítima voltou sozinha para a casa e contou o que havia acontecido para a irmã, que avisou a mãe.

Imediatamente, a mãe levou a filha para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da região e durante o caminho avistou o suspeito e acionou a Polícia Militar. O rapaz, que foi preso enquanto lanchava, negou o crime. O caso será investigado pela Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente.

O homem passará por audiência de custódia nesta manhã (11) na Justiça, para definir se ficará preso esperando o andamento do inquérito e posterior processo ou se poderá responder em liberdade. Ele responde a processos por furto qualificado e roubo. Segundo a Polícia Militar que fez a prisão do 10 Batalhão, o rapaz era foragido do sistema prisional.

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em VIOLÊNCIA SEXUAL

Checar também

Decretada prisão preventiva do primeiro homem indiciado por importunação sexual em MS após lei

A delegada Ana Paula Trindade Ferreira, da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Cam…