Após um primeiro mandato marcado pela crise econômica e uma reconhecida queda de receita, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reiterou nesta terça-feira (1º) expectativas positivas quanto à nova gestão estadual, para a qual toma posse em solenidade na Assembleia Legislativa, em Campo grande. Durante entrevista coletiva concedida antes da cerimônia, ele apontou que terá entre as metas para os próximos anos o corte de gastos –inclusive com o funcionalismo– e a defesa, junto ao governo federal, de melhorias nas áreas de Saúde e Segurança Pública.

Aos jornalistas, Reinaldo fez um breve balanço do primeiro mandato, durante entrevista na sala da presidência da Assembleia. Segundo ele, a primeira gestão teve resultados positivos “principalmente pelo momento de crise que o Estado passou. Mesmo assim, diante da recessão, enfrentamos a dificuldade financeira e fizemos investimentos importantes no Estado”.

Segundo ele, a situação foi entendida e o empenho reconhecido pela sociedade, “tanto que tive aprovação para um segundo mandato”. O governador disse que, para o novo ciclo administrativo, o sentimento é de otimismo, “principalmente em função da retomada do crescimento em nível nacional”. “E o Estado já fez reformas e ajustes importantes que serão essenciais para este novo momento da economia”, declarou, referindo-se à redução da máquina administrativa, políticas econômicas e enxergando “um ambiente muito melhor que o de quando assumi, em 2015”.

Metas – Reinaldo Azambuja disse que sua intenção é cumprir propostas feitas durante a campanha, mesmo com um primeiro cenário preocupante: o governador voltou a se queixar sobre a falta de repasse de R$ 100 milhões referentes a ressarcimentos da Lei Kandir (que isenta de impostos produtos primários voltados à exportação), um dos fatores responsáveis pela queda de receita.

Fonte: Campograndenews

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em Politica

Checar também

AGORA: Reinaldo é empossado para seu 2º mandato como governador de Mato Grosso do Sul

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) foi oficialmente empossado, às 15h35 desta terça-fei…