A DEH (Delegacia Especializada de Homicídios) encontrou nesta terça-feira (24), em Campo Grande, o corpo do chargista Antônio Rosa Borges, de 54 anos, que estava desaparecido desde a manhã de sábado (21), quando ele foi visto pela última vez no Bairro Monte Castelo.

Informações apontam que uma massagista com quem ele vinha se relacionando se apresentou à  em São Gabriel do Oeste, a 133 quilômetros de Campo Grande, e confessou o crime, alegando que matou a vítima, esquartejou e queimou o corpo, e escondeu em malas.

O corpo foi encontrado na região do Jardim Tarumã, onde uma equipe da DEH está com a perícia no local. Outra equipe se deslocou até São Gabriel do Oeste para buscar a suspeita que, por enquanto, assume sozinha a autoria. Ela será trazida para ser ouvida na sede da DEH.

A motivação do assassinato ainda não foi divulgada. Conforme boletim de ocorrência de desaparecimento, feito por familiares, Marco saiu por volta das 8h30 de casa e foi encontrar a mulher com quem estava se relacionando. Notando a demora do pai, o filho conseguiu rastreá-lo pela conta no .

Com isso, foi buscando casas com câmeras e a, última imagem que conseguiu, foi a duas quadras da residência da mulher com ele iria se encontrar, na Rua José Antônio. Depois, o celular dele foi desligado. O filho diz que o pai saiu com o aparelho carregado.

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em POLÍCIA

Checar também

Após furto, funcionário de fazenda encontra apenas cabeças de novilhas

Funcionário de uma fazenda encontrou apenas partes do corpo de novilhas após furto dos ani…