Cristiano de Arruda Costa Calderoni da Silva, 18 anos, foi detido na manhã desta sexta-feira, 29, dentro da Escola Estadual Maria Correa Dias, por agredir uma professora de 29 anos, com chute e também um tapa no rosto, porque foi repreendido por ter usado o celular dentro de sala.

De acordo com informações levantadas pelo JNE, Polícia Militar foi acionada pela coordenadora da Escola, pois Cristiano agrediu a professora dentro de sua sala. A educadora teria repreendido o aluno dentro da sala de aula, pedindo para que ele não usasse o aparelho celular, como ele não acatou a ordem, a professora o encaminhou para a sala da coordenadora. Na frente da profissional, a professora foi relatar o que havia acontecido, momento em que Cristiano começou a gritar “cala boca” e avançou na vítima, dando um chute em seu joelho e ainda desferiu um tapa forte em seu rosto, onde a jovem ficou com uma marca vermelha.

Não foi citado qual série Cristiano está matriculado.

A coordenadora então interviu, mas como o aluno estava bastante agressivo, ela acionou a Polícia Militar, que prendeu Cristiano e o encaminhou para a Delegacia de Polícia Civil de Anastácio.

 

JNE

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em POLÍCIA

Checar também

Vivendo no Canadá, o ex-dançarino Jacaré do grupo É o Tchan, aparece vestido de policial

Vivendo no Canadá desde 2016, Edson Cardoso, o ex-dançarino Jacaré do grupo É o Tchan, rea…