Uma equipe da Polícia Militar Ambiental de Três Lagoas, que trabalha na operação Piracema no rio Verde, nos municípios de Água Clara e Brasilândia apreendeu 127 anzóis de galo (petrechos proibidos).

Os infratores que armaram os petrechos ilegais não foram localizados e nem identificados. Dos anzóis que estavam armados foram soltos 20 kg de pescado, sendo de um deles no rio Verde, solto um peixe da espécie pintado de 1 metro de comprimento hoje (1).

Este tipo de fiscalização é fundamental. O monitoramento dos cardumes e a retirada desses petrechos ilegais dos rios impedem a degradação dos cardumes.

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em Meio Ambiente

Checar também

Estrada Ecológica avança e potencializa turismo

Dona Sebastiana Almeida, 69 anos, ao ficar sentada na varanda de sua casa, pode observar a…