O governador Reinaldo Azambuja, sancionou nesta sexta-feira (11) uma lei aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado que proíbe por cinco anos a captura, embarque, transporte, comercialização, processamento e a industrialização de dourado em Mato Grosso do Sul.

Está mantida a captura na modalidade “pesque-solte”, a de dourado em cativeiro e para consumo dos pescadores profissionais. A medida já é adotada desde 2011 em Corumbá, um dos principais centros pesqueiros do país.

O não cumprimento da lei pode resultar em multas, que variam de 100 a 1 mil Uferms (Unidade Fiscal de Referência), apreensão do produto e subproduto da pesca, interdição do estabelecimento, e também a suspensão de licença, autorização e registro.

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em Meio Ambiente

Checar também

Sucuri de três metros em lago de parque urbano de MS, alimentando de patos e gansos

Uma sucuri-amarela (Eunectes notaeus) foi capturada pela equipe da PMA (Polícia Militar Am…