Empresários e pescadores profissionais de Mato Grosso do Sul, preocupados com o meio ambiente, estão em busca de voluntários para um mutirão de limpeza no Rio Aquidauana, que foi reprogramado para o dia 26 de maio, das 7h às 17h. O evento iria acontecer no final de fevereiro, mas foi adiado devido às fortes chuvas e enchentes na região.

O desafio – que já era grande – está ainda maior. “Com os alagamentos, a quantidade de lixo nas águas do Rio Aquidauana aumentou consideravelmente. Percorri a região e comprovei a situação. Estamos em busca do maior número possível de voluntários para que a ação ambiental seja um sucesso”, espera um dos organizadores da iniciativa, o empresário e pescador Vanilton Almeida, conhecido como “Vavá”.

A ação será realizada às margens e ao longo de 300 quilômetros do rio, que faz parte da planície do Pantanal, da bacia do Rio Paraguai, e é afluente do Rio Miranda. Serão contempladas áreas entre os municípios de Rochedo e Aquidauana.

Toda ajuda para retirada de materiais como garrafas pet, embalagens de plástico, latas, sacolas, será bem-vinda. Podem participar pescadores amadores e profissionais, ambientalistas, ribeirinhos.

“Esse lixo polui as águas e provoca danos irreparáveis, como a morte dos animais, principalmente peixes. Além da limpeza, queremos promover a conscientização ambiental e incentivar o turismo sustentável e responsável”, diz.

Até o momento, cerca de 100 voluntários confirmaram participação. A meta é reunir, no mínimo, 200 “ajudantes”. Os interessados podem ligar para (67) 9 9611-3399 (Vavá) e (67) 9 9635-8824 (Ríder) ou fazer a inscrição no site topfisher.com.br.

 

Campo Grande News

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em Meio Ambiente

Checar também

Ribeirinha é picada por ‘Boca de Sapo’ e precisa ser resgatada de helicóptero no Pantanal

Ribeirinha de 54 anos precisou ser resgatada de helicóptero depois de ser picada por uma c…