Pais de recém-nascidos encontraram um escorpião na fresta da janela de um dos quartos da Maternidade Cândido Mariano. O caso aconteceu por volta das 23h de ontem (29), em Campo Grande. Todos os tipos de escorpiões, independente da espécie, são venenosos.

No quarto, havia oito pessoas: quatro acompanhantes com quatro recém-nascidos. Um dos pais de 26 anos contou que o animal peçonhento foi visto no vão da janela por um homem que acompanhava a esposa. Eles, então, acionaram a administração do hospital. “Na hora foi um susto”, diz o advogado que pediu para não ter o nome divulgado.

Uma funcionária da limpeza foi até o quarto e jogou água sanitária no vão da janela para fazer com que o bicho saísse. Depois de dez minutos, o escorpião saiu e foi capturado por um dos acompanhantes, colocado dentro de copo descartável e entregue na portaria da unidade.

“Ficamos com medo de aparecerem mais bichos. O hospital sequer cogitou trocar a gente de quarto”, lamenta. As funcionárias da maternidade comentaram que a cada quinze dias o hospital passa por dedetização, porém não é a primeira vez que animais peçonhentos são encontrados no local.

Outro lado – A Maternidade Cândido Mariano informou, por meio de nota, que a empresa contratada para dedetização realizou uma inspeção na última terça-feira (23) e não encontrou escorpiões. “Sempre são inspecionadas as caixas de esgoto, além de outras possíveis áreas de abrigo para os aracnídeos”, diz o texto.

Após o ocorrido desta madrugada (30), a maternidade também intensificou as ações de higienização realizadas pela própria equipe do hospital, como revisão de todos os ralos e janelas, além da aplicação e produtos próprios para situações como esta. Ainda segundo a nota, não há acúmulo de entulhos no entorno da unidade e ações de controle de pragas do prédio e das enfermarias ocorrem quinzenalmente ou quando há necessidade.

Direto das Ruas – As fotos chegaram ao Campo Grande News por meio do Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em Meio Ambiente

Checar também

Comerciante de MS mata sucuri, se exibe em vídeo nas redes sociais

Comerciante foi autuado em R$ 5 mil por abater uma sucuri de três metros em Amambai, munic…