Na sexta-feira, 8, o reitor Marcelo Turine se reuniu com o vice-prefeito de Aquidauana, Joaquim Passos, e com a diretora-presidente da Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura (Fapec), Nilde Brum, para discutir sobre ações de cunho educacional na cidade.
“Estou aqui na Universidade, fazendo uma visita ao Turine, sobre educação no município de Aquidauana, conversando com ele sobre os cursos que podemos levar para lá”, explicou o vice-prefeito. Por conta do grande número de jovens locais que cursam ou desejam cursar Direito, o político solicitou que este curso seja incluído no Campus de Aquidauana (CPAQ).
O reitor afirmou que, além de ouvir o pedido da prefeitura, a reunião foi uma oportunidade de “mostrar o papel educacional, social e econômico da Universidade no município, o avanço que estamos fazendo lá, e estreitar novas parcerias de projetos, programas e [debater] os sonhos da região toda, para que a gente consiga fortalecer e levar a educação como eixo estratégico de desenvolvimento municipal”.
Ele também declarou que a UFMS está disponível para a realização de bons projetos, articulados junto à Fapec, para fortalecer os professores da rede municipal, fomentar o empreendedorismo e a inovação, focar em pautas indígenas importantes para a inserção deste grupo na Universidade, entre outros.
A diretora-presidente da fundação concordou e declarou que a instituição também está à disposição para contribuir com o desenvolvimento da cidade. “Para a Fapec, que é a fundação de apoio da Universidade Federal, é de extrema importância – e a gente fica bastante lisonjeado – poder atender o município, principalmente com a visão que eles estão tendo de realmente transformar a administração com gestão pública, com empreendedorismo, visando a qualificação de toda a sociedade e também dos funcionários e colaboradores da prefeitura”.
Texto: Leticia Bueno
Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em EDUCAÇÃO

Checar também

À espera de mais um reajuste, preço do gás de cozinha chega a R$ 105 em MS

O preço do gás de cozinha chega a R$ 105 em Mato Grosso do Sul e pode subir mais ainda nos…