Começou nesta segunda-feira (23) a suspensão das aulas das unidades da REE (Rede de Ensino Estadual), da SED (Secretaria de Estado de Educação). Em MS, 352 unidades deixarão de receber cerca de 210 mil estudantes matriculados em 2020.

A decisão, contudo, não vai interferir o andamento do Calendário Escolar deste ano, uma vez que os alunos receberão atividades complementares durante o período de suspensão de – inicialmente – 15 dias.

Na última semana, decretos publicados pela secretaria determinaram a suspensão, que vai até o dia 6 de abril, e também regulamentaram a oferta das Atividades Pedagógicas Complementares nas unidades escolares .

Dividida em capítulos, a Resolução orienta as unidades quanto a oferta das atividades, aborda pontos específicos sobre programas como a EJA (Educação de Jovens e AduItos) e AJA (Avanço do Jovem na Aprendizagem), além do procedimento para os estudantes da Educação Profissional e Normal Médio. O documento trata, ainda, de detalhar como fica o atendimento da Educação Especial em todo o Estado.

Por fim, a Resolução deixa claro que as unidades escolares deverão permanecer abertas ao público nos períodos matutino e vespertino, com atendimento realizado pelo diretor, diretor adjunto e secretário escolar. Ainda de acordo com a publicação, para a devida manutenção dos serviços prestados na unidade escolar, a direção deverá organizar uma escala de serviço dos servidores administrativos.

 

 

MIDIAMAX

 

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em EDUCAÇÃO

Checar também

Prefeitura de Aquidauana suspende aulas nas escolas municipais por causa do coronavírus

A Prefeitura de Aquidauana informou no início desta tarde que as escolas municipais e cent…