Os contadores de histórias passam a ter um dia dedicado à profissão no Calendário Oficial de Eventos de Mato Grosso do Sul. É o que determina a Lei 5.266, de autoria do deputado Renato Câmara (MDB), publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (7).

A data será celebrada anualmente em 20 de março, quando também é comemorado o Dia Internacional do Contador de Histórias. “São profissionais que se dedicam a preservar e a transmitir o saber e as manifestações da cultura popular”, destaca Câmara.

Também foram publicadas normas que declaram de Utilidade Pública duas instituições do interior do Estado. A Lei 5.267, de autoria do deputado Felipe Orro (PSDB), beneficia o Projeto Esperança Giuseppe Guttilla, com sede no município de Sonora. E a Lei 5.268, de João Grandão (PT), concede o título à Associação Coletiva dos Agricultores Familiar do Assentamento Terra Solidária, em Sidrolândia.

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em CULTURA

Checar também

Prefeitura de Aquidauana promove a 2ª Edição do Festival da Bocaiuva

A Prefeitura de Aquidauana promove no próximo dia 06 de novembro, terça-feira, o 2º Festiv…