Dois membros de uma quadrilha foram presos na manhã de segunda-feira (5) por equipe do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros). Segundo investigações, o grupo vinha de São Paulo para ‘pescar’ dinheiro em caixas eletrônicos de Mato Grosso do Sul e com a ação, teriam furtado mais de R$ 100 mil de envelopes de depósitos.

De acordo com informações da polícia, o criminosos agiam da seguinte maneira: nos fins de semana, quebravam de dois a três caixas eletrônicos de agências bancárias para que os depósitos em dinheiro se concentrassem em um menor número de equipamentos.

Na madrugada de domingo, antes que os valores fossem conferidos e depositados, eles voltavam ao local e ‘pescavam’ os envelopes de dinheiro usando uma haste de metal que era inserida no dispensador de cédulas.

Em maio, o grupo conseguiu roubar R$ 22 mil de uma agência localizada na Avenida Afonso Pena, em Campo Grande. Em julho, voltaram ao Estado e furtaram R$ 42 mil da mesma agência, em seguida, foram até Dourados de onde levaram R$ 45 mil.

Após investigar o grupo, policiais do Garras saíram de Campo Grande no domingo (4) e foram  até São Paulo onde os criminosos estavam. Na manhã de segunda-feira (5), dois suspeitos, um de 26 e outro de 31 anos foram presos e trazidos para a Capital. Um terceiro envolvido está foragido.

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em CAIXA ELETRÕNICO