A Polícia Civil investiga a morte de Heloísa da Silva Antunes, de 11 anos, filha de um subtenente da Polícia Militar, ocorrida na noite de ontem, em Mundo Novo. A suspeita é de que menina tenha sido alvo de disparo acidental ou então tenha cometido suicídio com a arma do pai.

Conforme apurado, a família reside em um condomínio na Rua José Alves e, por volta das 19h30, vizinhos acionaram a PM alegando terem ouvido som de disparo de arma de fogo vindo da residência da família.

A mãe, em estado de choque, disse aos policiais que a vítima estava morta. Heloísa foi encontrada no quarto, ao lado da pistola, com ferimento na cabeça. A perícia esteve no local colhendo informações que possam auxiliar no esclarecimento dos fatos.

Compartilhe:
Carregar mais Artigos Relacionados
Carregar Mais por Redação
Carregar Mais em ACIDENTE

Checar também

Acidente doméstico deixa uma vítima de 3 anos em Anastácio

Ana Clara, de 3 anos morreu na Santa Casa de Campo Grande depois de ficar gravemente ferid…